Governo Lula paga quase R$ 200 milhões a acusada de desvio

 



Dispensando o trâmite de licitação, o governo Lula escolheu para realizar seis obras do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) a LCM Construção e Comércio. O empresário Luiz Otávio Fontes Junqueira, proprietário da empreiteira, receberá a quantia de R$ 196 milhões para tocar os serviços. Luiz é investigado pelo Ministério Público Federal (MPF) por desvios de verbas.

O empresário é réu em ação por improbidade administrativa e superfaturamento nas obras da construção de um hospital em Santarém, no Pará, causando um rombo de R$ 1,8 milhão ao erário.

Em 2011, desta vez no Tocantins, o empreiteiro foi acusado pelo MPF de improbidade, por um prejuízo de R$ 4,8 milhões em uma obra do DNIT.

Apesar do histórico, o empresário foi escolhido pelo governo Lula 29 vezes para realizar obras públicas.

Quando somadas as quantias de participações em licitações, a LCM angariou a fortuna de R$ 1,5 bilhão. O valor representa quatro vezes mais do que todos os 27 contratos que a empreiteira obteve no governo Bolsonaro.

Fonte: Pleno News 

Postagens relacionadas

GOVERNO 3622591562759425704

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Diamantina FM

Visualizações de página

Parceiros











 


 



 

 


Mais acessadas

item