PP DEVE LEVAR MINISTÉRIO DO ESPORTE TURBINADO COM APOSTAS

 


ANDRÉ FUFUCA E ARTHUR LIRA- FOTO DIVULGAÇÃO



Depois do impasse de meses em torno da reforma ministerial, alongado pela insistência do PP em dominar a área de assistência social, de um lado, e da recusa do PT de ceder esse espaço, de outro, a solução deve ser anunciada nas próximas horas. O partido de Arthur Lira deverá ver o deputado André Fufuca (MA) nomeado ministro do Esporte, o lugar de Ana Moser, com as apostas esportivas como "aditivo" para tornar a aposta mais atraente, diz a colunista Malu Gaspar, do O Globo.

A solução foi levada pelo próprio partido de Lira. Com a regulagem da taxação das apostas, a pasta ganhará mais recursos e capacidade de fazer política "na ponta", ou seja, na base eleitoral dos parlamentares. Como o partido também deverá levar a presidência e várias diretorias da Caixa Econômica Federal, a gestão desses recursos ficaria concentrada nas mãos do PP.

Pesou a favor dessa saída, que ainda precisa ser confirmada em reuniões finais de Lula coma coordenação política, o fato de que a ministra Ana Moser não tem partidos e nem advogados a pressionar pela sua permanência, além do fato de que não precisará ser remanejada para outras pastas. Com isso, será a segunda mulher desalojada do primeiro escalão para dar lugar a homens do Centrão.

O outro partido a ganhar espaço no ministério, o Republicanos, deve ficar mesmo ainda conforme a colunista Malu Gaspar, com o ministério dos Portos e Aeroportos. O destino de Márcio França está entra a nova pasta de Micro e Pequenas Empresas, a ser criada a partir da cisão do Ministério do Desenvolvimento Econômico, ou a pasta de Ciência e Tecnologia, como prefere o PSB. Se for essa a solução, a ministra Luciana Santos, única representante do PC do B no primeiro escalão, deve ir para a pasta das Mulheres, no lugar de Cida Gonçalves- mais uma mulher a perder esse assento para acomodar partidos da base.

A se confirmar esse desenho mais recente da reforma, ela deverá ser anunciada antes do 7 de Setembro e da viagem de Lula à Índia, para a reunião de cúpula do G20. Falei a respeito do caráter aleatório do desenho da reforma ministerial e de como a incerteza acabou desgastando ministros na primeira edição de hoje no Viva Voz, no meu quadro na CBN, antes dessa apuração sobre a configuração atual da negociação.


Fonte: Acesse Política





Postagens relacionadas

Política 1088128415200875339

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Diamantina FM

Visualizações de página

Parceiros











 


 



 

 


Mais acessadas

item