CONSTRUÍDA NA DÉCADA DE 70, ÚNICA CAIXA D'ÁGUA PARA ARMAZENAMENTO JÁ NÃO É SUFICIENTE PARA ATENDER A POPULAÇÃO!


 
A água é fonte da vida. Elemento indispensável para os seres vivos e o meio de vida para várias espécies vegetais, o assunto da água como bem de consumo, em Ipupiara, tem sido cada dia mais discutido.

A cidade cresce, o desenvolvimento chega, a população aumenta, mas o sistema de armazenamento e distribuição de água continua o mesmo, a mais 40 anos. Por conta disso, tem se tornado rotineira a reclamação por parte dos cidadãos residentes no município sobre a escassez ou insuficiência na distribuição de água para suas residências. E o que dizer da influência desse problema na economia local, em estabelecimentos que dependem essencialmente da água, como é o caso de lanchonetes e restaurantes?
Uma comerciante da sede, dona de um restaurante, tem buscado outras alternativas para conseguir manter o seu estabelecimento em funcionamento. “Precisei pedir baldes de água para poder trabalhar”.
Diversos são os problemas ocasionados pela falta d’água. A impossibilidade de realizar a devida higienização pessoal, de produtos e alimentos, pode trazer sérias consequências para a saúde da população. Exemplo de micoses e doenças gastrointestinais. O poder público municipal tem tentado amenizar o problema de água em Ipupiara perfurando poços artesianos para que as casas sejam abastecidas e o dano à população seja amenizado. Contudo, todo o esforço ainda não tem sido suficiente para atender toda a demanda. Diante dos fatos, fica a cobrança/sugestão para que a Empresa Baiana de Águas e Saneamento EMBASA possa buscar as soluções necessárias para que o pesadelo de muitos moradores de Ipupiara acabe.

Postagens relacionadas

Ipupiara 4968360080228779085

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Diamantina FM

Visualizações de página

Parceiros











 


 



 

 


Mais acessadas

item