Santaluz: Corrida 'ao ouro' já levou cerca de 500 para garimpo, aponta reportagem

                         
     

                                        Foto: Dalton Soares/TV Bahia
Cerca de 500 pessoas já se deslocaram para um garimpo de Santaluz, na região sisaleira. Os garimpeiros exploram uma mina ainda considerada irregular. Há duas semanas uma pepita de ouro com 804 gramas foi achada por um caçador em um buraco de tatu. O valor estimado do material é de R$ 112 mil. Segundo o G1, o ponto irregular de exploração fica a 35 km do centro da cidade. Para chegar no local, o acesso é por uma estrada de chão batido. Dezenas de homens da zona rural de Santaluz e cidades próximas foram encontrados no local. Uma mulher e adolescentes também foram vistos no ponto. Um garimpeiro ouvido pela reportagem disse que se tiver sorte dá para conseguir entre R$ 200 e 250 reais por semana. Segundo Josemir Silva , os garimpeiros se aventuram na atividade porque passam necessidade. Ele relata que são obrigados a beber água suja, guardada após chuva. Segundo Carlos Magno Oliveira, chefe substituto de Agência Nacional de Mineração (ANM) na Bahia, como os garimpeiros estão irregulares, as pessoas que estavam explorando o ponto podem ter o ouro apreendido por se enquadrar no artigo 55 da Lei 9.605/1998 que prevê crimes de usurpação do patrimônio da União.
fonte: bahia noticias

Postagens relacionadas

Região 7022169833888058593

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Diamantina FM

Visualizações de página

Parceiros











Mais acessadas

Seguidores

item