Além da bebida alcoólica, governo do Catar proíbe carne de porco, material para aposta e outros ítens



 Nesta sexta-feira (18/11), dois dias antes da abertura da Copa do Mundo do Catar, o governo local anunciou a proibição da venda de bebidas alcoólicas nos perímetros dos estádios, mas se engana quem pensa que é apenas o consumo de álcool que está proibido.

Além da proibição das bebidas alcoólicas, outros oito itens estão restritos no país, como: armas com munições; substâncias radioativas; entorpecentes e substâncias psicotrópicas (liberado apenas com restrição médica); material para apostas; produtos falsificados; imagens de extrema violência, crueldade ou pornografia; carne de porco e seus derivados e, por fim, objetos que podem ser ofensivos a outras religiões e cultos.

A proibição de alguns itens afeta de forma direta algumas seleções. A seleção da Espanha contava com a carne de porco em seu cardápio principal.

“Para a Espanha, país que é conhecido por consumir muito presunto, há mais um problema. La Roja terá de prescindir de um elemento fundamental do seu plantel, peça valiosa presente em todos os Mundiais disputados pela Espanha”, contou o jornal Gazzetta.

Sobre a proibição da venda de bebidas alcóolicas, o governo emitiu um comunicado.

“Após discussões entre o país anfitrião e a Fifa, foi decidido focar a venda de bebidas alcoólicas nos FIFA Fan Festival no lugar de outros destinos e áreas licenciadas do torneio, removendo pontos de vendas de cerveja dos perímetros dos estádios. Não haverá impacto nas vendas de Bud Zero, que seguirá disponível em todos os estádios da Copa do Mundo do Catar”.


Postagens relacionadas

Mundo 717372432541530929

Postar um comentário Default Comments

emo-but-icon

Diamantina FM

Visualizações de página

Parceiros

 












 


 



 

 


 


Mais acessadas

item